TODAS AS DICAS
INÍCIO DICAS

26 de abril de 2021

ESPORTE PARA CRIANÇAS: COM QUE IDADE ELAS PODEM COMEÇAR?

CONFIRA

Seu filho é uma bola de energia ou um sonhador? Descubra em que idade é melhor iniciar seu filho e quais esportes praticar…

Você já deve saber que a atividade física é boa para seu filho. Mas, a partir de uma certa idade, sua pequena bola de energia com pernas começa a querer / precisar de mais: treinamento, competição. Então, quando é uma boa ideia deixar o esporte ter um pouco mais de espaço? O que uma prática mais intensa pode oferecer? Nós explicamos…

 

OS BENEFÍCIOS DE UMA ATIVIDADE FÍSICA PARA O SEU FILHO

Você sabe: o exercício é bom para você! Portanto, é claro, é bom para seu filho também 🙂 Mas não (somente) pelas mesmas razões!

Se você pratica uma atividade física para sua saúde ou seu bem-estar, seu filho também aprenderá muitas coisas fazendo isso! Quando ele é muito jovem, praticar uma atividade física suave, como ginástica ou natação para bebês, ajuda a desenvolver seus sentidos e a consciência de seu corpo. É assim, movendo-se (na água ou no chão) que ele encontra seu rumo e se situa melhor no espaço: ele acelera seu desenvolvimento psicomotor.

Mais tarde, ao praticar uma atividade esportiva, ele continuará a desenvolver suas faculdades físicas e cognitivas. É claro que algumas habilidades serão mais desenvolvidas do que outras, dependendo do esporte praticado. Em geral, além das capacidades cardiovasculares e do desenvolvimento muscular associado a uma prática, seu futuro campeão será capaz de treinar seus reflexos, sua autoconfiança e até mesmo suas capacidades analíticas (todos os jogadores de futebol em início de carreira sonham em ler o jogo como um especialista).

 

Quer saber mais? Encontre nossas dicas em detalhes:

DESCOBRIR OS BENEFÍCIOS DO ESPORTE PARA AS CRIANÇAS

 

ANTES DOS 7 ANOS: MAIS ATIVIDADE FÍSICA DO QUE ESPORTE

É claro que não se trata de transformar seu pequeno em um atleta em ascensão a todo custo! Para crianças pequenas (entre 1 e 7 anos), a ideia é principalmente passar tempo: brincar no parque, improvisar um show de dança, levar a patinete para a escola…

“São atividades ‘não-estruturadas’, no sentido de que não há regras e que é a noção de prazer que é importante”, diz Adrien Lelong, osteopata do COPS (Centre d’ostéopathie et de posturologie du sport) em Lille (França). O esporte é uma boa porta de entrada para o mundo exterior. Descoberta de sensações, lugares, encontros… Você não deve hesitar em testar diferentes esportes para encontrar aquele em que a criança vai se desenvolver mais.

Ainda é possível, adaptando a atividade às habilidades da criança, considerar o início do esporte por volta dos 5 ou 6 anos de idade. “Ainda é possível tornar a criança consciente do esporte de uma forma suave, diz Grégory Dupas, osteopata / posturologista. Com uma ressalva: é necessário ter em mente que ainda é muito cedo, o corpo da criança ainda é muito maleável e, portanto, frágil. ”

 

E O ESPORTE PARA BEBÊS NO MEIO DISSO TUDO?

A partir da idade de 3 a 6 meses, seu bebê começa a ter períodos mais longos de vigília. Este é o momento ideal para praticar uma atividade suave com ele. Práticas como a consciência aquáticayoga para bebês beneficiarão você, seu pequeno e o vínculo que você forma com ele. Elas permitirão que você retome suavemente a atividade física, enquanto o movimento fortalecerá sua coluna vertebral (entre outras coisas). A descoberta de um novo ambiente ajudará ainda mais o seu despertar.

COM 5 ANOS: FAÇA ELE DESCOBRIR O ESPORTE LENTAMENTE

Conforme seu filho cresce, ele pode começar a praticar mais esportes, a partir dos 5 ou 6 anos de idade. Tenha cuidado, porém, para adequar a prática às suas habilidades (e ao seu prazer): “Ainda é possível tornar a criança consciente do esporte de uma forma suave”, diz Grégory Dupas, osteopata / posturologista. Mas com uma ressalva: é necessário ter em mente que é cedo demais, o corpo da criança ainda é muito maleável e, portanto, frágil.

“Nosso conselho: continuar apresentando a ele diferentes esportes. Entre esportes coletivos, artes marciais, esportes de raquete ou de resistência, ele encontrará eventualmente seu equilíbrio dentro do esporte ideal. E se no fim você verificar que seu filho se dá bem em várias práticas, saiba que é uma grande oportunidade para ele conhecer e descobrir outros horizontes…

IDEIA DE ESPORTE: QUAL ESPORTE ACONSELHAR AOS 7 ANOS?

Aos 7 anos, como mais tarde, a escolha de um esporte é uma questão de personalidade, mas é também a oportunidade de descobrir os valores de certos esportes: espírito de equipe, respeito pelos outros e suas diferenças, aprender a lidar com o fracasso, etc.

Precisa de uma ajuda para fazer sua escolha? Conheça nossas dicas para ajudá-lo a se orientar na grande variedade de esportes acessíveis às crianças!

 

DE 8 A 12 ANOS: APERFEIÇOAMENTO

Após a descoberta e iniciação, algumas crianças de 8 a 12 anos de idade podem considerar um aperfeiçoamento. Esta é, muitas vezes, a idade em que eles querem se testar e superar a si mesmos. As competições oferecidas pelos clubes podem, então, interessar.

Entretanto, é importante respeitar a fase de aquecimento (antes da atividade) e a fase de alongamento e recuperação (após a atividade). Uma criança, mesmo sendo ágil, às vezes, com pressa (para lutar no tatame, para subir no seu pônei, para mostrar sua nova coreografia…), fica vulnerável a uma lesão.

Qualquer que seja a idade da criança, você também deve levá-la regularmente ao osteopata a fim de verificar seu desenvolvimento, sua postura, se estão seguindo o bom caminho. Esta é uma boa maneira de preservar a saúde de seu filho e limitar quaisquer problemas físicos que possam surgir na vida adulta…

ESPORTE PARA ADOLESCENTES: NUNCA É TARDE DEMAIS PARA TENTAR!

Seu filho já está no ensino médio e ainda não descobriu uma paixão pelo esporte? Não culpamos os pais por se preocuparem, mas tenham certeza de que este também é o caso de muitos de seus amigos! Estima-se que mais de 30% dos adolescentes entre 12 e 17 anos de idade não praticam nenhuma atividade esportiva em particular (fonte: Ministério dos Esportes). E não é incomum para os amigos que já estão praticando mudarem de esporte à medida que envelhecem.

Finalmente, você deve saber que existem muitas possibilidades de descoberta e que você pode sempre ajudar seu filho sugerindo que ele ou ela tente algo antes de mergulhar de cabeça. O mais importante é que seu filho floresça na prática de um esporte e que isso corresponda ao seu temperamento. A armadilha seria acreditar que você deveria empurrar seu filho para fazer um esporte que “revelasse” os traços de personalidade que você quer que ele adquira… Um adolescente tímido sem autoconfiança pode ficar enojado se for levado a praticar um esporte de equipe que envolva contato regular!

 

NÃO EXISTE SÓ O FUTEBOL NA VIDA!

Não se esqueça que há centenas de esportes diferentes e que, além do futebol, judô, ginástica ou tênis, existem muitos outros esportes que podem agradar o seu filho!

Praticar esporte em família, em dupla, em grupo… temos que admitir que, muitas vezes, são ótimos momentos.

Mas, às vezes, você se pergunta como poderia incentivar o seu filho a praticar um esporte. Como podemos subir em uma bicicleta e correr incansavelmente? Como transformar esses momentos bons em verdadeiras grandes lembranças?

COMO PRATICAR ESPORTE EM CASA COM MEUS FILHOS?

COMENTÁRIOS (0)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *