TODAS AS DICAS
INÍCIO DICAS

26 de fevereiro de 2018

Saiba como as ondas se formam

CONFIRA

 

As ondas têm um grande impacto em uma grande variedade de esportes. Esse fenômeno natural deve, portanto, ser levado em consideração e compreendido completamente se você quiser surfar, remar, mergulhar ou navegar o melhor possível.

O que são ondas? Como elas são criadas?

Uma onda é um movimento oscilante da superfície de um oceano, mar ou lago. O termo “swell” é usado quando está localizado ao longo da costa.

Um swell (ondulação) é criado pelo vento, quando ele começar a soprar em um trecho de águas calmas. Oscilações então aparecem na superfície do mar, gradualmente se transformando em ondas (chamadas de “ondulação”) e elas se dirigem para a costa.

Abertura da ondulação

A velocidade em que a ondulação cresce é determinada por três fatores:

  • Velocidade do vento
  • Quanto tempo o vento dura
  • Até onde a ondulação se move

Quanto mais tempo dura a ondulação, maior o intervalo entre ondas sucessivas e maior a energia. Essa ondulação vai gerar ondas grandes e poderosas, com grandes intervalos entre cada onda (entre 15 e 20 segundos) e as ondas durarão mais tempo.

Quanto menor o período em que a ondulação é mantida a uma longa distância, mais fracas são as ondas e menor o espaço entre elas (entre 8 e 12 segundos), e desaparecerão mais rapidamente.

Quando a ondulação se transforma em onda?

À medida em que a ondulação se aproxima da costa, a distância entre a água e o fundo do mar é reduzida e isso afeta o tamanho da ondulação.

A forma das ondas depende principalmente da forma do fundo do mar e da praia, permitindo que o movimento horizontal da ondulação seja transformado em movimento vertical. Portanto, uma praia ligeiramente inclinada só produzirá ondas fracas e bastante planas. Por outro lado, uma face profunda seguida por um leito superficial criará ondas grandes e poderosas.

Para simplificar as coisas:

  • Costa plana = ondas baixas, ideais para iniciantes 
  • Inclinação sutil, gradual = spiller
  • Costa acentuada = ondas crescentes

Qual impacto os ventos on-shore e off-shore têm nas ondas?

Ventos on-shore e off-shore referem-se aos ventos que sopram na costa, alterando a natureza das ondas (não é o mesmo vento explicado acima que gera a ondulação).

Os ventos on-shore vêm do mar e tendem a puxar as ondas para baixo e o mar se torna agitado. Isso torna as condições menos favoráveis para surfe ou bodyboarding.

Por outro lado, os ventos off-shore vêm da terra e, normalmente, produzem ondas maiores ao suavizar a água, melhorando as condições de surfe e bodyboarding. Dependendo da hora do dia e das diferenças nas temperaturas observadas, as ondas são impactadas pela brisa on-shore durante o dia ou a brisa off-shore à noite e no início da manhã. Os dois padrões abaixo explicam esse fenômeno.

Durante o dia:

Legenda:
Durante o dia – ar frio – ar quente
On shore

Durante a noite e de manhã:

Legenda:
Noite e manhã – ar frio – ar quente
On shore

Outro fator importante: Marés

Dependendo do local, as marés podem ter um impacto considerável nas ondas. Elas podem afetar diretamente a profundidade da água, alterando, assim, as características das ondas. Alguns pontos serão, portanto, mais favoráveis para surfe e bodyboarding na maré alta, enquanto outros serão melhores quando a maré estiver baixa.

É um mito dizer “A 7ª onda é sempre a maior”?

Não necessariamente! É verdade que, em um grupo bastante anárquico, muitas vezes vemos, depois de cada seis ondas, uma que geralmente é a maior do grupo. Em grupos em que a ondulação é mais “perfeita”, esse número aumenta para nove ou dez.

Certifique-se de verificar cuidadosamente as condições antes de entrar no mar

Antes de entrar (ou não) na água, você deve verificar as condições, para estar pronto para surfar ou praticar bodyboarding:

  • Preste muito atenção à natureza dos grupos de ondas por alguns minutos e não apenas alguns segundos.
  • Antecipe os locais para entrar e sair da água.
  • Escolha cuidadosamente as correntes para usá-las o máximo possível quando você estiver na água.
  • Adapte seu horário na água para as marés com base no local e tipo de esporte que você pretende praticar.

Para concluir, podemos dizer que as ondas que vemos em nossas praias são principalmente o resultado de dois fatores naturais: a profundidade do vento e da água. No entanto, ao estudar estes dois fatores, os meteorologistas podem nos fornecer indicações cada vez mais confiáveis e, acima de tudo, informações mais precisas sobre as ondas que podemos esperar ver.

Não se esqueça de observar e analisar as condições do local para onde você está indo em tempo real porque a natureza não é nada previsível!

Boa prática!

PRODUTOS RELACIONADOS

VER PRODUTOS PARA Surf

COMENTÁRIOS (0)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DICAS RELACIONADAS